16.10.12

Superação?

Quando assisti esse vídeo pela primeira vez soltei alguns daqueles risos nervosos de quando você sabe que está testemunhando algo tão humano, tão visceral e tão íntimo que te deixa constrangida. O vídeo é de um Ironman de 97 e mostra a chegada de duas atletas competindo pela quarta colocação. A sensação que me dá é de que essas atletas estão ali completamente desnudas de qualquer máscara ou convenção social, elas simplesmente expõem suas fraquezas e ambições de forma brutal, sem meio termo. Ali o corpo já não serve nem como sustentáculo, é só alma, instinto ou seja lá que nome for.

Dão margem tanto à admiração pela superação quanto ao questionamento sobre até que ponto o esporte é realmente saudável. Qual é a linha tênue que separa o "se superar" do "se extenuar"? Eu estou longe de saber, mas essas atletas com certeza devem ter alguma opinião sobre isso. Não sei nem se dá pra chamar esse video de motivacional, mas ele me faz pensar em quantas vezes desisti de um treino, corrida ou qualquer outra coisa da vida, por algo que nem era assim tão insuperável.

E ainda, se esse vídeo precisasse de alguma legenda, para mim a ideal seria essa frase de Martin Luther King Jr: “If you can't fly then run, if you can't run then walk, if you can't walk then crawl, but whatever you do you have to keep moving forward.”  É mágico quando elas encontram uma forma de se adaptar  às circunstâncias para ir até o fim.